Encontrar um vestido de noiva para baixinhas com caimento perfeito pode ser bastante trabalhoso. O motivo é que esse traje tão especial precisa valorizar os atributos das noivinhas e, como cada mulher tem suas particularidades, corpos e belezas diversas, todas querem e podem ficar maravilhosas para a cerimônia. Por isso, é preciso saber o que combina com você.

Para acertar em cheio na escolha, é necessário conhecer os modelos e tecidos que oferecem mil possibilidades de adaptações, conforme técnicas muito usadas pelos estilistas. Assim, fica mais simples montar o look dos seus sonhos para brilhar durante o grande dia. 

Quer saber mais? Vamos mostrar oito dicas de vestidos de noiva para baixinhas. Acompanhe conosco.

1. Saia Evasê

O mais importante na hora de escolher, é encontrar algo que valorize seus atrativos e traga um ar de leveza ao visual. Por isso, o estilo com saia evasê se encaixa perfeitamente nesse tipo de proposta.

Esse modelo costuma alongar o corpo e, por ser confeccionado completamente na cor branca, agrega muito valor à composição final do look. Outra sugestão interessante é ter bastante atenção na decisão dos tecidos e detalhes de corte para criar elementos visuais certeiros. 

Diante disso, lembre-se de que o melhor caminho na hora de tomar uma decisão está em experimentar todas as opções, já que por mais que pareça simples na vitrine, o vestido tende a tomar outra proporção no corpo. 

2. Cintura alta 

Um clássico dos anos 1950 que voltou com tudo nas últimas estações. Por ter marcação logo abaixo dos seios, alonga o corpo e funciona muito bem para diferentes tipos físicos. Dessa forma, não importa qual seu estilo preferido, o formato costuma ser democrático por atender desde os trajes mais tradicionais até os voltados à proposta de uma festa clean

A saia longa em seda e sem detalhes, por exemplo, deixa a composição primorosa, alonga as pernas e traz feminilidade na medida certa. Na parte de cima, no entanto, use tecidos mais encorpados para marcar braços e colo, equilibrando o resultado. 

3. Longo em V

Muitas noivinhas ficam com receio de usar vestido longo e rodado. Tenha em mente que é possível adaptar qualquer tipo de modelagem conforme suas características. Basta conhecer algumas técnicas capazes de valorizar o visual com criatividade.

O grande diferencial está em ter uma atenção especial com o corte, já que uma escolha errada pode comprometer toda a peça durante o casório. No caso das baixinhas, ele deve ser sempre reto para passar a sensação de pernas mais alongadas, naturalmente.

Esse padrão desenha as formas do corpo e, ao mesmo tempo, traz muita elegância quando combinado com os acessórios corretos. Dê preferência também aos tecidos lisos com decotes para mostrar os braços o máximo que puder.

4. Modelo curto

A regra de escolher vestidos de noivas para baixinhas é muito simples: quanto mais pele ficar visível, maior será o efeito de alongamento visual. Por ter uma proposta diferente, o modelo curto precisa de mais detalhes para ter a elegância necessária relacionada à ocasião.

Uma boa dica, aqui, é investir em estampas de renda nos ombros, na barra e no decote. Essa alternativa é muito indicada para as peças mais soltinhas na saia que apresentam um caimento mais justo na parte de cima. Assim, a cintura fica espontaneamente marcada, sem perder a feminilidade. 

5. Estilo princesa

Grande parte das noivas românticas sonha em se casar com um vestido de princesa cheio de detalhes. Com as baixinhas não é diferente, correto? Por esse motivo, é necessário encontrar o corte ideal para colocar essa ideia em prática, em diferentes tipos estéticos. 

O corte reto com a saia longa valoriza muito a beleza feminina e, além de alongar a silhueta, traz a sensação de um corpo mais magro. Então, nada de deixar o vestido arrastando no chão ou com sapatos de fora. O charme está em mostrar o caimento perfeito no seu corpo. 

6. Costas nuas

Para quem procura por originalidade, as costas nuas oferece a combinação perfeita entre delicadeza e sensualidade. A composição do visual deve ser feita com um penteado em cabelo preso, mangas curtas e um decote mais discreto no colo. 

Isso porque ao deixar algumas partes do corpo em evidência em excesso, todo o glamour da ocasião pode ser perdido. Sendo assim, é muito importante saber como fazer uma espécie de jogo estratégico, que valorize seus pontos fortes na hora de harmonizar o tamanho de cada decote. 

7. Vestido mullet

Esse tipo se encaixa perfeitamente em diferentes temáticas de cerimônia, justamente por ser um meio termo entre curto e longo. Ele é mais alongado na parte traseira, curto na frente e bem discreto na parte superior do corpo. Com isso, a noiva ganha uma aparência romântica, de maneira leve. 

O ponto alto da proposta está na possibilidade de destacar partes essenciais sem deixar o visual exagerado. Além disso, a padronização fica muito mais simples diante da possibilidade de ajustar o tamanho da saia de acordo com o horário do casamento e o estilo proposto pela decoração.

8. Decote de coração

Como já citamos, acertar o tom do decote é um fator fundamental para ser uma noiva distinta. O formato em coração combina muito bem com as saias alongadas em modelo “A”, pois fazem o contraponto ideal para que o visual não fique achatado demais. 

Tudo isso combinado com o estilo bailarina, aquele mais sequinho em cima e solto na saia, representa a princesa moderna tão procurada pelas mulheres atualmente. Lembre-se, no entanto, de que saias muito volumosas, gola alta e sobreposições não são boas sugestões, pois achatam bastante a silhueta. 

Pronto! Agora você já sabe como escolher o vestido de noiva para baixinhas. O mais importante é ter em mente que encontrar algo que combine com sua personalidade é essencial na hora de arrasar durante o grande dia. Diante disso, considere também os modelos em tubinhos e renda que se destacam pela beleza única de caimento. 

Gostou das nossas dicas? Então, comente aqui no post quais são os seus modelos preferidos.

Powered by Rock Convert